terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Os 20 anos de um show histórico


Há exatamente 20 anos os Stones faziam seu primeiro show no Brasil, no estádio do Pacaembu, em São Paulo. Não foi o melhor dos cinco shows que os Stones fizeram aqui naquele ano (três em SP e dois no RJ), mas quem esteve lá jamais vai esquecer, em especial pelo contexto histórico.

Os Stones se apresentaram no festival Hollywood Rock, que era realizado no Brasil desde 1988 (sem contar a edição de 1975, só com artistas nacionais), e que na edição de 1995 também teve como atrações o Barão Vermelho, Rita Lee e os Spin Doctors.

A expectativa pelos shows era tanta que se criou um clima de Stonesmania no Brasil, inédito até então. Reportagens especiais sobre a banda eram exibidas constantemente na TV, as revistas e jornais publicavam farto material sobre os Stones (em Porto Alegre, o jornal Zero Hora chegou a publicar diariamente uma contagem regressiva para o show, trazendo notas e curiosidades sobre a banda) e a Volkswagen, que era uma das patrocinadoras dos shows, aproveitou a oportunidade para lançar o Gol Rolling Stones.

À medida em que os meses passavam, a ansiedade dos fãs para ver os Stones crescia, mas sofreu um baque poucos dias antes do primeiro show em São Paulo: o estádio do Morumbi, inicialmente escolhido como palco dos shows, fora interditado por problemas estruturais. A Promoter, empresa responsável pelos shows, entrou em acordo com a prefeitura de São Paulo e transferiu os shows para o estádio do Pacaembu, mas um novo problema surgiu. Como acomodar as cerca de 135 mil pessoas que compraram ingressos para os dois shows em um estádio com capacidade para 50 mil? A solução foi marcar um show extra, o que foi acertado com a banda, e que aconteceu em 30 de janeiro.


Depois de toda a expectativa, chegou enfim o grande dia. Pouco antes das 15h do dia 27 de janeiro de 1995 todos os portões de acesso estavam abertos para os fãs que vieram de várias partes do Brasil e do exterior.

Apesar do temporal que caiu durante o show do Barão Vermelho (e que fez com que Rita Lee cancelasse seu show) e dos Spin Doctors, a maioria dos fãs não arredou pé, e a espera valeu a pena. Pouco depois das 23h, um som de percussão anunciava que o show iria começar, mas não sem um espetáculo pirotécnico antes: uma cobra metálica localizada do lado direito do palco que soltava fogo pela "boca".

Como que por um milagre, a chuva deu uma trégua justamente quando os Stones subiram ao palco. O show começa com Not Fade Away, música de Buddy Holly que lhes abriu as portas para a América do Norte em 1964, e os Stones repassam sua carreira de (até então) pouco mais de 30 anos com os clássicos que todos queriam ouvir e mais as novidades do disco Voodoo Lounge, lançado um ano antes.

Na apresentação da banda, uma surpresa para Charlie Watts: o baterista foi o músico mais aplaudido pela plateia, que inclusive utilizou a cobertura de madeira colocada no campo para pular e fazer ainda mais barulho, demonstrando todo o seu carinho e admiração por ele.

Crédito: Marcos Issa/Argosfoto
Os Stones ainda se apresentaram em São Paulo nos dias 28 e 30, e no Rio de Janeiro nos dias 2 e 4 de fevereiro, sendo que este último show foi transmitido ao vivo pela Rede Globo.

Depois desses shows da Voodoo Lounge Tour no Brasil, os Stones ainda voltariam para os shows da Bridges to Babylon Tour, em 1998, e para o famoso show na praia de Copacabana, em 2006, diante de mais de um milhão de espectadores. Mas para quem acompanhou na época, possivelmente nenhum desses shows tenha um significado maior do que qualquer um dos primeiros shows dos Stones no Brasil, em 1995.

No vídeo abaixo, a reportagem do Jornal Hoje sobre o primeiro show dos Stones em São Paulo:



O setlist do show do dia 27/01/1995:

Not Fade Away/Tumbling Dice/You Got Me Rocking/Rock and a Hard Place/Rocks Off/Satisfaction/Beast of Burden/Angie/Midnight Rambler/Just My Imagination/Love is Strong/I Go Wild/Miss You/Honky Tonk Women/Before They Make Me Run/The Worst/Sympathy for the Devil/Monkey Man/Street Fighting Man/Start me Up/It's Only Rock'n'Roll/Brown Sugar/Jumpin' Jack Flash

MARQUEE CLUB DESTACA OS 20 ANOS
O programa Marquee Club, apresentado por Cristiano Radtke todas as quartas a partir das 19h30, vai fazer uma edição especial em duas partes lembrando essa tour. Ouça pelo link http://www.dinamicofm.com.br/radio.html


domingo, 25 de janeiro de 2015

Bill German, o fã que mais perto chegou dos Stones até hoje é a grande atração de It´s Only Rolling Stones #10

Bill German editou por 18 anos o Beggars Banquet, fanzine oficial dos Stones.

O fã que mais perto esteve dos Stones até hoje.
O cara por quem Keith Richards teve ciúmes.
O sujeito que nunca teve outro emprego na vida a não ser trabalhar com os Rolling Stones. 
Uma das poucas pessoas no mundo que esteve sozinho com os cinco Stones numa mesma sala.
O tipo que derramou suco no tapete de Mick Jagger e cantou com o vocalista dos Stones na casa de Ronnie Wood.
O jornalista que editou o Beggars Banquet, fanzine oficial dos Stones, por 18 anos.
Bill German, autor do melhor, mais autêntico e emocionante livro já escrito sobre os Stones até hoje, é o convidado especial de It´s Only Rolling Stones da próxima sexta-feira, às 22h, em www.radioaudiodesign.com.br.
Bill fará a seleção musical do programa e irá contar histórias referentes a cada uma das canções escolhidas, todas tiradas do seu livro Under Their Thumb, a história de um guri bacana do Brooklyn que se misturou aos Stones e sobreviveu para contar.


Livro Under Their Thumb tem edição nacional pela Nova Fronteira.
Bill escolheu a trilha sonora do programa e vai nos contar várias histórias tiradas do livro.

Anita completa 71 anos


Durante vários anos ela foi tão influente que chegou a ser considerada por muitos quase como um dos Rolling Stones. Namorada de Brian, esposa de Keith e affair de Mick, Anita Pallenberg está completando hoje 71 anos.

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

It´s Only Rolling Stones #9 já está disponível. Ouçam agora mesmo


It´s Only Rolling Stones #9 foi ao ar hoje pela Rádio Audio Design. O programa teve a participação do jornalista Paulo Moreira, que conversou sobre os Stones com a gente e também fez a seleção musical do programa. Nós ainda rodamos o novo single do guitarrista Rodrigo Leão. Não deixem de ouvir.



It´s Only Rolling Stones #9 recebe hoje uma das mentes mais brilhantes do jornalismo gaúcho


It´s Only Rolling Stones vai ao ar hoje, às 22h, em www.radioaudiodesign.com.br.
Teremos a mais do que especial participação do jornalista Paulo Moreira, que vai nos privilegiar com toda sua cultura. Vamos falar sobre histórias stoneanas, sobre os Stones pelo Brasil e sobre eles por Porto Alegre, além de rodarmos muito som.
Também vamos apresentar o single do guitarrista paulista Rodrigo Leão Ufos, que está estreando LETÍCIA. O Rodrigão é stoneano até a raiz dos cabelos.
Fiquem ligados!!!!!!!!!!!!!!!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...